Toggle

Seis habilidades que todo líder de projeto deve ter

 

Se você não gerenciar os usuários, patrocinadores e outros envolvidos, pode entregar no prazo e no orçamento previstos, mas pode não atender às necessidades do negócio.

Os melhores gerentes de projetos são aqueles que, de forma consistente, entregam, dentro do prazo e do custo previstos, projetos que atendem às expectativas. Esses profissionais entendem que liderança e habilidades interpessoais são ainda mais importantes para uma boa gestão de projetos de TI que uma famosa metodologia ou ferramentas de acompanhamento.

Então, quais habilidades são necessárias para tornar-se um excelente gerente de projetos? Veja abaixo:

1. Ter o dom de prever. Bons gerentes de projetos são capazes de antecipar e evitar problemas que poderiam destruir o prazo, o orçamento ou a aceitação dos usuários.

2. Ser organizado. A organização parece ser uma característica óbvia de um grande gerente de projetos, mas ela manifesta-se de diversas maneiras, incluindo a capacidade de se manter focado no todo e priorizar o que é realmente importante. Na maioria dos projetos, existe tanta coisa que precisa ser feita que é difícil manter tudo sob controle. Ser capaz de priorizar o trabalho de sua equipe é um aspecto crítico do que um gerente de projetos tem de fazer.

3. Saber liderar. Gerentes de projeto têm de influenciar e interagir com uma grande variedade de pessoas, incluindo suas equipes de projetos e os patrocinadores da iniciativa. Como muitas equipes não reportam diretamente ao gerente de projeto, esse profissional tem de encontrar maneiras de motivar as pessoas a quem não lidera oficialmente, mas que podem levar ao sucesso ou ao fracasso do projeto. Além disso, são profissionais que precisam inspirar a confiança dos envolvidos e patrocinadores, para os casos em que o prazo ou o budget da iniciativa precisarem ser renegociados ou forem necessários recursos adicionais.

4. Ser bom comunicador. Gerentes de projeto bem-sucedidos usam de maneira efetiva o e-mail, as reuniões e os relatórios de andamento para compartilhar suas ideias, tomar decisões e resolver problemas. Eles entendem ainda que precisam discutir a iniciativa sob a ótica do que for mais relevante para sua audiência.

5. Ser pragmático. Algumas vezes, gerentes de projetos podem ser analíticos demais. Analisar as coisas a fundo antes de tomar uma decisãopo de atrasar o andamento. Bons gerentes de projeto focam em realizar o trabalho com os recursos disponíveis.

6. Ser empático. Gerentes de projetos apoiam-se em outras pessoas para ter sucesso. E não podem efetivamente influenciar os demais se não entenderem o que os motiva. Por isso, precisam entender as preocupações de todos os envolvidos na iniciativa, levá-las a sério e resolvê-las.

Fonte: cio.uol.com.br

Siga-me no Twitter